[Negócios] Vero investe R$ 750 milhões para levar Internet ao interior do Brasil

vero

Fabiano Ferreira, presidente da Vero

Nova provedora de banda larga criada pela Vinci Partners após fusão de empresas mineiras vai quintuplicar área de atuação em cinco anos com foco na qualidade de atendimento

A união de oito provedoras de Internet em uma fusão liderada pela Vinci Partners – gestora de recursos com R$ 26 bilhões – formou a mais nova companhia do setor de telecomunicações do país, a Vero, que nasce com 140 mil clientes atendidos em 39 cidades. O plano agora é levar a operação para 200 municípios em até cinco anos.

Para isso, a Vero vai investir até R$ 750 milhões em recursos aportados pela Vinci Partners, que se tornou a acionista majoritária da companhia. “Além da expansão para novas cidades, a Vero vai buscar oportunidades de aquisições, com foco em negócios que já ofertem qualidade aos clientes e valorização dos funcionários”, afirma o presidente da Vero, Fabiano Ferreira.

Segundo ele, o crescimento da Vero vai ser sustentado por dois fatores principais. De um lado, a demanda reprimida por Banda Larga e Internet no interior do país; de outro, a cultura de atendimento da empresa, herdada das oito companhias que deram origem à fusão.

“Isso pode parecer clichê, mas temos dados para citar. Cerca de 70% de nosso pessoal trabalha no atendimento, na linha de frente da prestação de serviços. Esse é um dos motivos pelos quais cerca de 90% de nossos atendimentos à domicílio ocorrem dentro de um prazo de até seis horas do momento em que o cliente entra um chamado.

Estamos presentes em mercados que ou não são atendidos pelas chamadas operadoras nacionais ou são atendidos remotamente. Temos os melhores indicadores de atendimento em todas as cidades em que atuamos”, diz Ferreira, sobre as empresas que deram origem à Vero: BD OnLine, NWNet, Efibra, PowerLine, G4 Telecom, Viaceu, ViaReal e City10.

Os empreendedores que criaram essas empresas já pensavam em buscar um modelo de negócio mais moderno e chegaram a criar uma holding em 2016 para gerar economia de escala e trocar experiências. No ano seguinte, em 2017, perceberam que precisariam de um investidor mais robusto para buscar novos mercados.

Aí entrou a Vinci Partners, firma de private equity que tem em sua carteira de investimentos no mundo grandes negócios de sucesso, como o Burger King, Unidas Rent a Car, Domino’s, rede de pizzarias, e o Cura, de serviços diagnóstico.

A Vero nasceu então com 750 funcionários, 140 mil clientes, distribuídos em 39 cidades mineiras, e 2,4 mil km de fibras ópticas até a residência dos clientes para oferecimento de acesso em banda larga fixa. A rede de fibra atende a 85% dos assinantes – o restante tem tecnologia de radiocomunicação.

Nessas localidades, a Vero detém a liderança, com 31%, em média, de participação de mercado. “Ainda tem muita oportunidade para crescer. Nessas cidades, banda larga é como água e energia elétrica, uma necessidade mesmo”, afirma o presidente da companhia, Fabiano Ferreira.

Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em março o Brasil registrou 31,4 milhões de acessos em banda larga fixa. Desse total, 6,7 milhões eram de provedores regionais. A penetração da banda larga no Brasil é de 45%, ou pouco mais de 30 milhões de acessos.

Assim, no médio prazo, há espaço para 15 milhões de novos usuários em cinco anos, avalia Fabiano Ferreira. Mas houve já um crescimento de 276% da Banda larga fixa no Brasil de 2007 e 2018. “Essa demanda potencial vai atrair investimentos para o setor”, afirma o executivo.

Contatos:
Vero Internet
Telefone Não Informado!
http://verointernet.com.br/

Vinci Partners
(21) 2159-6000
https://www.vincipartners.com